Rússia emite mandado de busca contra presidente do TPI

Rússia emite mandado de busca contra presidente do TPI

A Rússia incluiuo Presidente do Tribunal Penal Internacional (TPI), Piotr Hofmanski, na lista de pessoas procuradas pela Justiça russa, sem especificar o motivo, foi ontem divulgado

“Procurado no âmbito de uma investigação criminal”, indicou o Ministério do Interior russo no portal de dados de pessoas procuradas.

A nota governamental é citada pelas agências estatais TASS e Ria Novosti, sem fornecer mais detalhes. O TPI, com sede em Haia, emitiu, em Março, um mandado de captura para o Presidente russo, Vladimir Putin, acusado do crime de guerra de deportação forçada de crianças ucranianas.

Em Agosto passado, Moscovo anunciou a imposição de sanções ao procurador do TPI, Karim Khan, que emitiu o mandado de captura do Presidente russo.

A ofensiva militar lançada em Fevereiro de 2022, pela Rússia, na Ucrânia causou, de acordo com dados da ONU, a pior crise de refugiados na Europa desde a Segunda Guerra Mundial (1939-1945) e fez um elevado número de vítimas não só militares como também civis, impossíveis de contabilizar enquanto o conflito decorrer.