Noite de protestos termina em mais de 200 detidos na Tunísia

Noite de protestos termina em mais de 200 detidos na Tunísia

Mais de 200 pessoas foram detidas, e dezenas ficaram feridas em várias cidades da Tunísia - relatou o ministério tunisino do Interior nesta Quarta-feira (10), após uma segunda noite de distúrbios causados por medidas de austeridade, sete anos depois da chamada “Primavera Árabe”. Um supermercado da rede Carrefour do sul da capital, Túnis, foi saqueado, informou o porta voz do Ministério, Khlifa Chibani, acrescentando que 49 polícias haviam ficado feridos em confrontos em todo país.


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta