“O Estado estava a demorar, mas com este acto, fica perdoado”, desabafa Filipe Mukenga

“O Estado estava a demorar, mas com este acto, fica perdoado”, desabafa Filipe Mukenga

O renomado músico Filipe Mukenga, à margem do acto de consagração como vencedor do Prémio Nacional de Cultura e Artes, na categoria, referenciou que com este acto de reconhecimento, embora tardio, o Estado fica perdoado

O Prémio Nacional de Cultura e Artes, edição de . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta