O que se aprende de pequeno não se esquece

O que se aprende de pequeno não se esquece

Ainda ontem mesmo vi em Luanda aqueles gestos bonitos de simpatia entre agente da autoridade e cidadão que até parece um bailado que toda a gente aprende na escola. Repete-se tantas vezes que até parece que se aprende no infantário. O agente . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta