“Para o africano, o insucesso nunca vem por acaso. Procura sempre culpar alguém”

“Para o africano, o insucesso nunca vem por acaso. Procura sempre culpar alguém”

Para o antropólogo António Camuto, o africano procura sempre culpar alguém do seu insucesso, também porque o fraco investimento na educação nos leva a acreditar no empirismo geracional, naquilo que os nossos antepassados nos ensinaram, do que em algo que foi provado cientificamente


Registe-se como Assinante ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta