Polícia prende implicados na morte de empresários estrangeiros na Huíla

Nove pessoas foram detidas quinta-feira no município da Jamba, província da Huíla, suspeitas de envolvimento na morte de dois empresários (um português e um moçambicano), que tentavam efectuar um negócio ilícito de minério.

Registe-se como Assinante ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta