Hospital Geral de Viana vai absorver toda actividade do Américo Boa Vida

Hospital Geral de Viana vai absorver toda actividade do Américo Boa Vida

 

A ministra da Saude, Sílvia Lutukuta, disse que, após a sua inauguração, o Hospital Geral de Viana (HGV), no distrito urbano do Zango, em Luanda, vai acolher toda actividade médica do Hospital Américo Boa Vida (HABV), que vai entrar em total reabilitação nos próximos meses

Texto:João Feliciano

Foto: Nambi Wanderlei

Sílvia Lutukuta fez estes pronunciamentos no final da visita que efectuou na manhã deste Sábado àquela unidade hospitalar, onde constatou o grau de execução das obras da mesma.
A ministra referiu que por esta altura o Hospital Américo Boa Vida tem apenas uma parte em funcionamento, “mas em condições bastantes difíceis, por isso tomamos a decisão de transferir a direcção e os profissionais aqui para esta unidade sanitária”.
Segundo Sílvia Lutukuta, o Hospital Geral de Viana deverá dar resposta aos utentes dos municípios mais populosos de Luanda, como de Viana, Cazenga e Cacuaco tendo em conta a proximidade entre estas unidades territoriais.

Capacidade para 300 camas
Salientou que o hospital terá equipamentos de ponta e contará com uma capacidade para 300 camas, com a particularidade de 150 destas camas estarem destinadas para crianças e com todos os serviços medico-cirúrgicos agregados e serviços hospitalares humanizados.
A ministra mostrou-se satisfeita com o curso dos trabalhos, tendo recebido a promessa, do empreiteiro, que o Hospital Geral de Viana será entregue até final do mês de Março.
Avançou que depois de toda pressão exercida, sobretudo, por via do Titular do Poder Executivo, que já visitou a infraestrutura em duas ocasiões, o empreiteiro está com uma nova dinâmica e que tem estadia a ser seguido pelo Executivo a fim de garantir que nada falhe.
“Estamos a verificar todas as imperfeições a serem corrigidas, mas estamos muito satisfeitos com o nível de equipamentos que tivemos oportunidade de visitar”, disse Sílvia Lutukuta, sublinhando que a unidade será mesmo inaugurada em Abril.
As obras do Hospital Geral de Viana custaram aos cofres do Estado um total de 125 milhões de euros.