PR homenageia grupo de profissionais

PR homenageia grupo de profissionais

O Presidente da República vai  homenagear , esta terça-feira, a distintos grupos de profissionais, com destaque para os da saúde e da comunicação social, pelo seu empenho na luta contra a covid-19, segundo deu  a conhecer, hoje, o ministro  de Estado e Chefe da Casa Civil do Presidente da República, Adão de Almeida.

A homenagem  que acontece por ocasião dos  45 anos da Independência  será marcada por um discurso do  Chefe de Estado, João Lourenço,, uma data que segundo  o ministro Adão de Almeida, “não será comemorada com júbilo devido a covid-19” , .

Pelas mesmas razões, o ministro de Estado anunciou que não haverá condecorações individualizadas  de  personalidades das mais variadas áreas,  por ocasião da data,  como já se  tornou hábito.

Na sessão solene de amanhã  serão  distinguidos particularmente as classes dos médicos, enfermeiros, técnicos auxiliares de saúde, epidemiologistas e funcionários da saúde. Serão também homenageados os cidadãos infectados   “devido ao estado clínico e pelo exemplo de resiliência pela sua recuperação”.

O efectivos  da Polícia Nacional, dos  bombeiros e das   forças armadas também serão distinguidos  “pelos esforços na manutenção  da ordem pública e tranquilidade. Igualmente os  jornalistas  “pela contribuição para a consciência dos cidadãos”  bem como os empresários pela manutenção da produção  do  comércio e  transporte de bens e serviços, os  pilotos, os camionistas e os  fazedores de cultura pelo seu saber prestado à sociedade.

Adão de Almeida anunciou que no dia 11 de Novembro haverá o içar da bandeira e serão disparadas  21 salvas de canhão.  As declarações do governante foram proferidas num dia em que o país registou 247 casos positivos de infecção com a covid-19, um óbito e 28 doentes recuperados.