Presidente iraniano culpa EUA e Israel por ataque contra a Guarda Revolucionária

Presidente iraniano culpa EUA e Israel por ataque contra a Guarda Revolucionária

A Guarda disse na Quarta-feira que um agressor suicida conduzindo um veículo carregado de explosivos atacou um autocarro que transportava membros da Guarda na província de Sistão-Baluchistão. Um grupo militante sunita, Jaish al Adl (Exército da Justiça), que afirma buscar mais direitos . . .


Registe-se como Assinante ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta