Primeiro os humanos, os excessivamente humanos, só depois, os condenados da terra

Primeiro os humanos, os excessivamente humanos, só depois, os condenados da terra

É possível ler-se sob o signo do conflito russo-ucraniano, “virtual war/ guerra virtual”, de Dear Derian (2000) “realismo ofensivo” de John Mearsheimer (2001), “o regresso da anarquia” de Carlos Gaspar (2019), proxy war, e até “o construtivismo” de Alexander Wendt (1991), na medida em que, reconhecendo o papel . . .


Registe-se como Assinante ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta