Sindicato de Jornalistas da Guiné-Bissau preocupado com assédio sexual no sector

Sindicato de Jornalistas da Guiné-Bissau preocupado com assédio sexual no sector

O sindicato de jornalistas da Guiné-Bissau está preocupado com o aumento de assédio sexual contra as profissionais do sexo feminino, um fenómeno que a organização estima afetar cerca de 98% das jovens jornalistas

Segundo a presidente do Sindicato de Jornalistas e Técnicos da . . .


Registe-se como Assinante ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta