SNEBA teme despedimentos de funcionários dos bancos com fundos públicos

SNEBA teme despedimentos de funcionários dos bancos com fundos públicos

Miguel José, em Malanje

O presidente do SNEBA, Filipe Makengo, manifestou a inquietação da sua organização sindical sobre o destino dos funcionários das quatro instituições bancárias com participações do Estado, que constam entre as cerca de 200 empresas que serão alienadas . . .


Registe-se como Assinante ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta