Subida dos combustíveis nas mãos das Finanças

A petrolífera, que anunciou deixar de investir em negócios fora do segmento petrolífero, acredita que um reajustamento no preço dos derivados pode poupar milhões de dólares

POR: Hélder Caculo . . .


Registe-se como Assinante ou inicie a sua sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta