Treze cidadãos ganham nacionalidade angolana

Treze cidadãos ganham nacionalidade angolana

Na cerimónia presidida pelo ministro da Justiça e dos Direitos Humanos, Francisco Queirós , os requerentes juraram fidelidade à pátria, à Constituição, às leis angolanas e obedecer e cumprir as suas obrigações e deveres enquanto cidadãos angolanos.

O governante desejou que os novos compatriotas se sintam . . .


Registe-se como Assinante ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta