Venda de acções da Rede Camponesa “ancora” no Ministério do Comércio

Venda de acções da Rede Camponesa “ancora” no Ministério do Comércio

Incumprimento de um protocolo por parte do Ministério do Comércio e Indústria está a inviabilizar a abertura das acções da Rede Camponesa de Angola. Quem o diz é o seu presidente, Gentil Viana

Com abertura do capital previsto inicialmente para Julho, a Rede Camponesa adiou . . .


Registe-se ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta